Data Quality

Como a gestão de dados será um dos maiores diferenciais de mercado em 2022

minute read

Post Image

Compare a capacidade de processamento de um celular, quando foi lançado, em 1983, com um aparelho dos mais simples hoje em dia. A evolução é gigante. O mesmo raciocínio vale para os CRMs e os processos de gestão voltados às bases de dados das empresas. Para manter sua eficiência, eles precisaram evoluir, para que pudessem extrair o máximo das informações disponíveis e, mais do que isso, usá-las de forma a obter o melhor retorno.

A Validity entende que a automação inteligente em sistemas de gestão de dados acelerará as operações em todos os segmentos (indústria, comércio e serviços) em 2022.

Não existe outro caminho para as empresas que pretendem se destacar no mercado, a não ser investir em automação. E não estou falando apenas das grandes empresas de tecnologia. Trata-se de uma realidade cada dia mais presente nos pequenos e médios negócios.

Ao longo dos anos, a aplicação da automação inteligente proporcionou a muitas empresas fazerem mais, em menos tempo, utilizando melhor os recursos financeiros e de pessoal.

Um exemplo dessa maior procura é o DemandTools V, software de gestão de dados cuja nova versão foi lançada globalmente pela Validity em 2021, que permite o gerenciamento ordenado e inteligente de informações – remoção de duplicidades, padronização, nova atribuição de registros e processamento de leads, entre outras funcionalidades – em tempo recorde, com distribuição automática de relatórios de alta qualidade para diferentes setores da empresa. Hoje, em todo o mundo, já são mais de 16 mil empresas que utilizam o nosso software.

Tendências para 2022

Este ano representará um marco na busca e utilização de soluções para gestão de CRM. As empresas que se destacam em suas áreas, trabalham com soluções líderes no mercado para explorar casos inteligentes de uso de automação, principalmente pensando em ferramentas que aumentem sua agilidade operacional.

Durante um webinar promovido pela Validity recentemente, foram discutidos cinco pontos que seguem abaixo e podem auxiliar as empresas a melhor gerir suas informações.

1) Crie uma equipe multidisciplinar para gerenciar os dados

Segundo pesquisa da Observepoint, as empresas com uma equipe formada por profissionais de diversas áreas ou que tenham um líder dedicado à governança e gestão de CRM mostram 42% mais confiança na qualidade das informações do que aquelas que não têm. Essa dica permitirá que os dados sejam úteis para todos os departamentos, evitando problemas com sua qualidade. Além disso, tornará sua base mais confiável, com relatórios mais precisos.

2) Não acumule

De acordo com a Veritas, 72% dos tomadores de decisão de TI se assumem como colecionadores compulsivos de dados. É preciso definir a necessidade de cada lançamento de informação, além de se estabelecer um plano claro para seu arquivamento. Uma sugestão: limpe sua base a cada três meses.

3) Conheça sua base

Para isso, é importante traçar o perfil dos seus dados. Isso ajudará você a entender a situação atual, revelando os problemas de qualidade existentes. Em última instância, essa ação auxiliará sua empresa na busca por melhoria em todo o processo.

4) Não presuma que os sistemas da empresa facilitam a entrada e o uso de dados

Cerca de metade das empresas afirma que o erro humano é a maior causa de imprecisões, como mostra o levantamento da Experian. Outro dado fornecido pela empresa é que 10% do tempo de um representante de vendas é gasto em planilhas para ajudá-lo a alcançar os resultados que ele mesmo gostaria de alcançar através do sistema de CRM.

5) Invista em ferramentas para gerenciar e automatizar os processos de qualidade da sua base de CRM

Entre 15% e 45% das despesas operacionais de quase todas as empresas são desperdiçadas por causa dos problemas com a qualidade das informações. Por isso, entenda que a contratação de uma ferramenta de gestão de dados não é um gasto, mas sim um investimento que lhe permitirá direcionar esforços para o é necessário no seu negócio.